Pular para o conteúdo principal

Um pouco de Logística



O que é Logística Empresarial ?
            A Logística é a área  de  gestão responsável    pelo    planejamento, operação e controle de todo o fluxo de mercadorias e informação, desde    a fonte fornecedora até o consumidor.

            O conceito de Logística empresarial existe desde à década de 40, foi utilizado pelas forças armadas norte-americanas, ela raciona-se à aquisição e fornecimento de matérias, durante a 2° Guerra mundial e depois para atender todos os objetivos de combate da época.  
2.    Qual a importância da Logística para as empresas?
            Porque é um assunto interessante e atual, porque é essencial conhecer a Logística para compreender outras áreas, perspectiva de emprego, promoção ou posicionamento dentro de empresas, existe a necessidade do auxílio de um especialista em logística em graus variados.
            A Logística envolve toda a parte de transporte e armazenagem de materiais, sendo também chamada de Administração de Recursos e Materiais, e pra nós que somos estudantes, saber a melhor maneira de armazenar, transportar, dispor os produtos e recursos no espaço disponível na empresa pode render uma redução de custos considerável e maior produtividade e lucro, isso mostra quão essencial ela é, e sendo tão necessária não deixa de ser interessante.
            Essa é uma área bastante promissora para se desenvolver carreira, e de acordo com pesquisas quem trabalha nessa área tem mais chances de chegar a cargos de alto executivos.
            Para que a empresa possa expandir e aumentar a participação no “Mercado”, um bom trabalho de Logística é indispensável. Já pensou como seria o trabalho de grandes empresas como Danone e Vigor se não tivessem uma excelente estrutura logística? Atrasos nas entregas, venda de produtos que não estão em estoque e uma série de outros infortúnios que certamente não deixam o cliente em nada satisfeito.
            As grandes empresas utilizam-se da Logística em maior intensidade, mas pequenas e médias empresas também podem utilizar-se dela para oferecer seus produtos/serviços com qualidade, tempo ágil e custo reduzido, características fundamentais na Logística.
3.    Cite quais são as questões básicas levantadas pela logística.

1 - Quais são os mercados servidos?
·         Direto ao consumidor;
·         Doméstico;
·         Internacional.
2 – Quais são as reais necessidades dos clientes?
·         Tempo de Entrega;
·         Confiabilidade;
·         Lead Time? (TEMPO DE REPOSIÇÃO DE SUPRIMENTO).

3 - POR QUE VARIEDADES DE PRODUTOS SÃO NECESSÁRIAS?
·         Por encomenda, Catálogos, listas?
4 - COMO QUANDO E ONDE FATURAR OS PRODUTOS?
·         Escolha do processo?
·         Localização das Unidades Fabris?
5 - ONDE POSICIONAR OS ESTOQUES
·         Localização dos Armazéns?
·         Rede de Distribuição, etc.
6 - COMO PROMOVER A MOVIMENTAÇÃO DO ESTOQUE?
·         Métodos de transporte a serem adotados?
·         Rodoviário, Ferroviário, Marítimo, Aéreo?
7 - Quais as quantidades de estoque a serem solicitadas e quando fazer?
·         Políticas e diretrizes para os pedidos.
8 - Características da Integração Logística  no Âmbito Gerencial
·         Perfil de Senioridade;
·         Comunicação Transparente e Fluida;
·         Trabalho em Equipe;
·         Serviço ao Cliente: Missão Básica da Logística.

4.  Quais são os 2 tipos de atividades logística existentes?
            Atividades Primárias: transportes; manutenção de estoques e processamento de pedidos. Atividades de Apoio: armazenagem; manuseio de materiais; embalagem de proteção/transporte; obtenção; programação de produtos e manutenção de informação.

5.  O que são atividades primárias em logística? Explique e dê exemplos.
            São as atividades de importância primária para atingir os objetivos logísticos de custo e nível de serviço.
·         Transporte: é a atividade logística mais importante para a maioria das empresas. Absorve cerca de 2/3 dos custos logísticos. O transporte adiciona valor de lugar. Os modais de transporte são: rodoviário, ferroviário, marítimo, aéreo, hidroviário e duto viário, info-viário.
·         Manutenção de estoques: o estoque é um amortecedor entre oferta e demanda. É importante posicionar os estoques próximos dos clientes. Os estoques são responsáveis por aprox. 2/3 dos custos logísticos. O estoque agrega valor de tempo ao produto.
·         Processamento de pedidos: é uma atividade importante pois inicializa a movimentação de produtos e a entrega de serviços. É derivada do fato de ser um elemento crítico em termos do tempo necessário para levar bens e serviços aos clientes. Os custos desta atividade são pequenos quando comparados aos custos de transporte e manutenção de estoques.
6.  O que são atividades secundárias ou de apoio em logística? Explique e dê exemplos.
            São atividades adicionais que apoiam as atividades primárias, as atividades de apoio estão estritamente relacionadas com o nível de serviço e as atividades primárias.
            Manuseio de materiais: Associada com a armazenagem e também apoia a manutenção e estoques e o transporte. Esta atividade diz respeito à movimentação do produto no local de estocagem.
            Embalagem de proteção/transporte: Auxilia a logística movimentando bens sem danificá-los ou quebrá-los. Além disto, as dimensões adequadas da embalagem trazem eficiência no processo de manuseio e armazenagem.
      Obtenção: É atividade que deixa o produto disponível para o sistema         logístico. Fluxo de “Entrada”. Envolve: Seleção de Fontes de suprimento, Quantidades; Programação de compras; forma de compra do produto, esta atividade não se confunde com a função de compras.
            Programação do produto: Esta atividade trata da Distribuição (Fluxo de Saída). Refere-se a “quanto”, “quando” e “onde” produzir. Não se refere à programação detalhada da produção.
            Manutenção de informação: São as informações de Custo e desempenho essenciais para o correto planejamento e controle logístico.
            Localização de Clientes, volumes de vendas, padrões de entregas, níveis de estoque, etc.
7.    Em cada um dos períodos abaixo da história da logística, cite um ou mais fatos marcantes sobre este período.
     #1°Período    A Logística antes de 1950: Conhecido com anos adormecidos, este período não possuía uma filosofia dominante para conduzir a logística. Como sabe-se, a logística tem raízes na origem das guerras, cuja a necessidade de suprimentos eram necessárias para subsidiar a permanência em batalha. Assim, ao decorrer da Primeira Guerra Mundial (1914-1918) e a Segunda Guerra Mundial (1939-1945) e após seu desfecho com a criação de duas potências #EstadosUnidos VS #UniãoSoviética, o mundo desperta suas necessidades de consumo.


Os avanços tecnológicos impactam a indústria que passa a necessitar de um modelo empresarial mais eficiente.

#2°Período          A Logística entre 1950 e 1970 conhecido como período de desenvolvimento, (onde teve intercambio de informações), havia grande preocupação em comprar e vender e pouca preocupação com a distribuição.

           O em 1950 MRP era o sistema que fazia o planejamento das necessidades materiais e gestão de materiais de estoque.
   
              No entanto os avanços na área foram sendo alcançados, motivados pelas alterações nos padrões e atitudes da demanda dos consumidores, pela pressão para reduzir custos na indústria e o avanço da tecnologia em computadores.
              O surgimento dos sistemas MRP e MRP II começam a auxiliar as empresas na gestão de matérias, estoque e produção, possibilitando método mais uniforme para administração. 
              Em 1960, a Toyota surpreende com a criação do “Just In Time” introduzindo ferramentas desconhecidas ao mundo Industrial.
              A Logística entre 1971 e 1990: Conhecido como período de crescimento , a partir da década de 70 a logística empresarial passa para o estado de semi-maturidade devido aos benefícios proporcionados as empresas, no entanto com aceitação vagarosa pelo mercado.               Em 1981, o surgimento dos primeiros sistemas ERP (evolução dos sistemas MRP e MRP II  para integração e gestão de informações) auxiliam para a expansão do nível de comunicação entre as cadeias.
               

A Logística após 1991 com a abertura comercial, a partir do início da década de 90, tornou-se crescente a necessidade das empresas brasileiras desenvolverem maior competitividade nos mercados nacional e internacional.
            Surgimento da internet e a expansão das telecomunicações fazem da distribuição e do processo logístico um conjunto importante das operações gerenciais. 
              O reconhecimento de que o relacionamento com o cliente é a chave para os lucros em longo prazo. Estabelecimento de um serviço diferenciado ao cliente. Mercados com características do alto consumo, em que os clientes encontram características em produtos similares, (mais variedades), são através da prestação especial de serviços, que cada organização faz a sua diferença. 
              Após este período ocorre a integração da administração de materiais com a distribuição física, ou seja, o futuro logístico é a aproximação cada vez maior entre logística e produção. Busca de executivos para redução de custos e aumento de produtividade.
8.  Quais são as Características Básicas de Controle de Estoque? Cite e explique cada uma delas.
            São três as características comuns a todos os problemas de estoque.
a) Custos Associados aos estoques; b) Objetivos do Estoque; c) Previsão de Incertezas.

            Em relação aos custos:
·         Custo de Pedir: São os custos fixos administrativos relativos à Aquisição, Reposição, processamento de pedidos, recebimento físico, preencherem o pedido de compra, processar serv. Burocrático, Contabilidade e Almoxarifado.
·         Custo de Manter: São os Custos Necessários para Manter certa quantidade de mercadoria por um período. Ex. Armazenagem, Seguro, Deterioração, Obsolescência e Custo de oportunidade.
·         Custo Total: É a soma dos custos de Pedir e Manter o estoque. O objetivo deste custo é determinar a quantidade de pedido que minimiza este total de custo.
            Em relação objetivo do estoque:
·         Objetivos de Custo
·         Objetivos de Nível de serviço

            Em relação objetiva de nível de serviço: Pirâmide ilustrativa
                       

            Em relação previsão de incertezas:
            Associados aos estoques terão os riscos, tudo pode acontecer, nem sempre sabemos se a quantidade solicitada pelo cliente e a quantidade enviada para armazenagem atendem seu real propósito. Nem sempre podemos prever quando chegarão os suprimentos para iniciar a produção e abastecer os estoques.

9.  Explique o que é Lead Time e dê um exemplo.
            Lead time ou tempo de aprovisionamento, é o período entre o início de uma atividade, produtiva ou não, e o seu término. O lead time é um dos conceitos mais importantes da logística. Deve ser levado em consideração em todas as atividades, pois está associado ao custo da operação.
            Exemplo: Uma compra realizada pela internet passa por vários processos primários e secundários como: processamento de pedidos; manutenção de estoque; transporte; manutenção de informação; manuseio de materiais entre outros até que a compra seja concluída.

10.              Quais são as consequências da Visão tradicional dos estoques para as empresas?
            Custos de manutenção dos estoques mais altos; Falta de tempo na resposta ao mercado e Risco do Inventário tornar-se obsoleto.            Controlar estoques é uma atividade que gera alto custo nas empresas, os estoques absorvem capital que poderia ser investido de outras maneiras e em outras áreas da empresa, projetos, investimentos. Quanto maior a rotatividade do estoque menor o custo com manutenção e maior liberação dos ativos.

11.              O que é a Gestão de estoques? Como surgiu?
            Este Conceito teve sua origem na função de compras em empresas que compreenderam a importância de integrar o fluxo de materiais a suas funções de suporte.

12.              Por que as empresas gerenciam seus estoques?
            Para ter maior controle dos seus produtos matérias-primas, abastecer qualquer demanda necessária da empresa.
13.               O que significa Kanban?
            Kanban é um termo de origem japonesa e significa literalmente “cartão” ou “sinalização”. Este é um conceito relacionado com a utilização de cartões (post-it e outros) para indicar o andamento dos fluxos de produção em empresas de fabricação em série.
14.               Quando e de que maneira surgiu o Kanban?
            A ideia do Kanban nasceu em 1953 em uma pequena indústria de Caminhões chamada Toyota.
15.              Quais são as vantagens do sitema kanban?
Simples; Auto controlado; Desburocratizante; Motivacional; Limite estoque.
Baseia-se na demanda real.




16.               Explique o que é o Sistema Toyota de Produção.
            O modelo de administração japonesa se desenvolveu sobre as bases do famoso Sistema Toyota de Produção, que surgiu no Japão, na fábrica de automóveis Toyota, logo após o fim da Segunda Guerra Mundial. Ao final da década de 50, o modelo começou a ser bastante aplicado nas organizações ao redor do mundo, principalmente pelas empresas ocidentais, tornando-se um dos principais pilares que sustentam a competitividade na economia global. O Sistema Toyota de Produção objetiva aumentar a eficiência e a produtividade, evitando desperdícios como a superprodução, gargalos, ou inventário desnecessário.



17.              Quem foram os criadores do Sistema Toyota de Produção?
            O fundador da Toyota e mestre de invenções, Toyoda Sakichi, seu filho Toyoda Kiichiro e o principal executivo o engenheiro Taiichi Ohno.

18.              Quais são os objetivos do Sistema Toyota de Produção?
            O sistema objetiva aumentar a eficiência da produção pela eliminação contínua de desperdícios.

19.              Quais são os cinco princípios do Just In time?
            São cinco os princípios do JIT: Qualidade, Velocidade, Confiabilidade, Flexibilidade e Compromisso.




20.              Quais são os Objetivos e propósitos do Just In time?
            Visa atender a demanda de maneira instantânea com qualidade e sem desperdício.  Melhoria do processo produtivo. O produto ou matéria prima chega ao local de utilização somente no momento exato em que for necessário. Os produtos somente são fabricados ou entregues a tempo de serem vendidos ou montados.
            O conceito de just in time está relacionado ao de produção por demanda, onde primeiramente vende-se o produto para depois comprar a matéria prima e posteriormente fabricá-lo ou montá-lo, nas fábricas onde está implantado o just-in-time o estoque de matérias primas é mínimo e suficiente para poucas horas de produção. Para que isto seja possível, os fornecedores devem ser treinados, capacitados e conectados para que possam fazer entregas de pequenos lotes na frequência desejada.
21.               Gerenciamento de Demanda ????????
            É importante A importância da demanda no setor Logístico envolve a diretoria os gestores, e todos os colaboradores que executam a entrega do produto fabricação do produto, pois tudo está no planejamento estratégico da empresa e a demanda está incluída neste planejamento estratégico. Pois para a fabricação de um produto cria-se uma expectativa de atendimento, ao consumidor final ou simplesmente aos fornecedores que pretendem receber uma mercadoria em determinado tempo e hora, não se cria um determinado produto sem base nenhuma de conhecimento do mercado, com intenção de atender o seu consumidor final atualmente, hoje você quem que ter dados pois sem nenhum você não sabe para onde ir com razão.
            A demanda é gerada por uma série de fatores, a logística atende essa demanda na perspectiva que o consumidor vai pedindo e solicitando as mercadorias, ou mercado necessita de um determinado produto,  e por esse motivo é fundamental na gestão eficiente e eficaz desde o início até o final da produção e fabricação à entrega do produto.
 

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Você não tem base - Aguinaldo Prandini Ricieri

Em uma palestra no Prandiano Museu da Matemática com o Prof.Ricieri Prandiano (sim ele criou o museu,é dono do museu), sendo o Palestrante, em uma data especial no dia dos Pais (agradeço a Rose Mary pela super companhia), fui assistir e ouvir uma fascinante palestra sobre quase todas as áreas da matemática e o contexto do matemático em varias disciplinas e como "a vida" é em relação a vida desse Grade Mestre da Matemática do Brasil.

Em uma celebre frase ele expressou quando:

"Quando indagava a respeito de algum assunto que não entendia meu professor na USP dizia que 'VOCÊ NÃO TEM BASE' e ficava sem entender o assunto pois meu professor no ensino médio não ensinou para mim os conceitos mais básicos da matemática".
"No Brasil, hoje a matemática é uma piada, uma piada." Em relação as escolas de ensino médio.

Sim eu o considero um gênio estilo Steve Jobs brasileiro.

"Muitos educadores nem sabem o significado da palavra matemática, "ensinam" …

Estudo do Filme " A FUGA DAS GALINHAS " em estratégia.

Estratégia no filme "A fuga das galinhas", as galinhas não querem ficar na granja por medo e fogem.
"No ano de 1950, em uma granja dedicada à criação de galinhas em Yorkshire, a galinha Ginger procura desesperadamente uma maneira de conseguir escapar ao fim trágico que os seus donos reservaram para ela e os seus companheiros de granja e viver em liberdade num santuário.
Após várias tentativas não muito bem sucedidas, "voando", surge no galinheiro o galo Rocky, com uma ambiciosa promessa: ensinar as galinhas a voar. Mas o tempo de Ginger e Rocky é muito pouco: a família Tweedy, donos da granja, compraram uma máquina que faz tortas de galinha, e que rapidamente entrará em funcionamento e irá acabar com toda a população do local, apenas se o bravo Rocky conseguir impedir, com a ajuda de todos os habitantes do galinheiro, inclusive os comedores de ovos Nick e Feacher os gulosos ratinhos"
segundo: Pt.wikipedia.

 Estratégia:

1° fazer um Catapulta com objetivo…